terça-feira, 26 de janeiro de 2021

DESTINATÁRIOS DAS EPÍSTOLAS PAULINAS – cartas às Igrejas

  


O Novo Testamento registra nove cartas – ou epístolas – escritas pelo apóstolo Paulo e destinadas a Igrejas.  Na relação abaixo eu listo estas epístolas paulinas identificando seus destinatários.

 

AOS ROMANOS – A primeira das cartas que aparecem no NT é também a maior de todas e tida como a mais importante interpretação da doutrina cristã.  Ela foi dirigida aos cristãos de Roma, a capital do Império e sua maior cidade (no primeiro século com cerca de 1 milhão de habitantes).  Ainda hoje a cidade de Roma – atual capital da República Italiana – está situada na região do Lácio e conta com uma população de cerca de 2,8 milhões de habitantes.
Quando o apóstolo escreveu sua epístola ele não conhecia ainda a comunidade cristã em Roma – ela provavelmente foi fornada a partir de convertidos oriundos do Pentecoste.

 

AOS CORÍNTIOS – Paulo escreveu provavelmente quatro cartas aos cristãos de Corinto, duas delas estão registradas no NT.  Corinto (em grego: Κόρινθος) é uma cidade na região do Peloponeso, na Grécia (a cidade atual tem cerca de 60 mil habitantes).  No primeiro século ela tinha sido reconstruída por ordem de Júlio Cesar após um grande terremoto.
Corinto era famosa por ter dois portos influentes, um no mar Egeu e outro no golfo de Corinto.  Também dois grandes templos, um dedicado a Afrodite e outro a Apolo.
O apóstolo Paulo esteve lá na sua segunda viagem missionaria e ali estabeleceu a igreja cristã.

 

AOS GÁLATAS – A Galácia (em grego: Γαλατία) não é uma cidade específica, mais sim uma região na atual Anatólia – Turquia.  A principal cidade da região no primeiro século era Ancira (hoje Ancara capital da atual Turquia com 4,5 milhões de habitantes).
Tanto na primeira como na segunda viagem missionária, o apóstolo Paulo passou por aquela região fundando diversas igrejas.
A Carta aos Gálatas seria então uma espécie de carta circular que deveria ser compartilhada entre as igrejas da região.
O apóstolo Pedro também destinou suas cartas aos cristãos dispersos da Galácia.

 

AOS EFÉSIOS – A cidade de Éfeso (no grego: Ἔφεσος) era a maior cidade grega na costa da Jônia e no primeiro século era a capital romana da Ásia Menor.  Naquela cidade estava construído o templo de Ártemis – uma das sete maravilhas do mundo antigo –, a Biblioteca de Celso e um teatro com capacidade para 25 mil pessoas.
Paulo passou três anos lá em sua terceira viagem missionaria, ali fundou uma igreja deixando Timóteo como seu líder.
Em Éfeso também havia uma comunidade cristã fundada pelo apóstolo João e para essa igreja uma das cartas do Apocalipse foi escrita.
Hoje as ruinas da antiga Éfeso são um importante centro turístico da Turquia.

 

AOS FILIPENSES – No primeiro século, a cidade de Filipos (no grego: Φίλιπποι) estava localizada na província da Macedônia e fazia parte de uma importante rota do Império Romano – a Via Ignatia – sendo considerada a porta de entrada da Europa para quem vinha da Ásia.  A cidade tinha status de cidade romana e a população tinha todos os direitos de cidadania.
Paulo esteve lá em sua segunda viagem missionária onde começou uma comunidade cristã na casa de Lídia, a comerciante de púrpura.
Em 2016 a UNESCO considerou o sítio arqueológico de Filipos como patrimônio da humanidade 
por "constituir um testemunho excepcional do início do estabelecimento do Cristianismo".

 

AOS COLOSSENSES – A cidade de Colossos, que os romanos também chamavam de Conas (em grego: Κολοσσαί – e em latim: Colossae ou Chonae), era uma cidade na região da Frígia e tinha uma ligação muito próxima com a cidade de Laodiceia.
O historiador grego Xenofonte a descreveu como “uma cidade populosa, tanto rica quanto grande”.
Naquela cidade vivia Filemon – a quem o apóstolo também escreveu uma carta que consta no NT – e, ao que tudo indica, ele não conhecia pessoalmente a comunidade cristã dali quando escreveu sua carta.
Sua ruinas e restos arqueológicos ainda carecem de serem exploradas na atual Turquia.

 

AOS TESSALONICENSES – O apóstolo Paulo esteve na cidade de Tessalônica (em grego: Θεσσαλονίκη) em sua segunda viagem missionaria.  Ali pregou na sinagoga e fundou uma comunidade cristã, porém, por encontrar bastante resistência na cidade, não prosseguiu, dirigindo-se à cidade de Bereia.
A cidade era um destacado entreposto comercial na Via Ignatia e os romanos estabeleceram ali a capital da província da Macedônia.
Atualmente a cidade de Salônica é a segunda maior cidade da Grécia moderna com mais de 1 milhão de habitantes em sua área metropolitana com um movimentado porto, um moderno centro industrial e uma estratégica base militar.


Veja também uma Relação dos DESTINATÁRIOS DAS EPÍSTOLAS PAULINAS – cartas pastorais

Nenhum comentário:

Postar um comentário